.

.

10º CONSELHO ESPÍRITA REGIONAL – 10º CRE

Criação da Aliança Municipal de Ouro Preto – AME-OP

Itamar Morato Esta tarefa que a Espiritualidade nos ofereceu, foi conduzida pelo 10º CRE. Foram mais de 20 reuniões nas cidades de Ouro Preto, Mariana, Itabirito, Santa Bárbara no distrito de Barra Feliz. A equipe do 10º realizou mais de 15 viagens de Belo Horizonte para aquela Região dos Inconfidentes, durante três anos. Em Todas as ocasiões até a Assembleia de criação da AME-OP, neste domingo 19 de maio de 2019, fomos recebidos com carinho e união pelos irmãos Diretores e tarefeiros das casas espíritas da Região. Nossos agradecimentos a todos os irmãos, notadamente o Grupo Espírita Evangelho de Cristo, que nos acolheu em diversas reuniões. A equipe do 10º CRE foi uma comissão constituída por Itamar Morato Cézar, Presidente, Elson Ribeiro de Souza, Vice Presidente, Édina Evangelista, Vera Lucia Cordeiro, Secretárias.

O Movimento Espírita mineiro escreveu mais um importante capítulo em sua história de união e unificação. Durante assembleia realizada no último domingo, 19 de maio, foi aprovada a criação da Aliança Municipal Espírita de Ouro Preto (AME-OP).

O encontro aconteceu no Grupo Espírita Evangelho de Cristo e reuniu presidentes e vice-presidentes das casas espíritas da Região dos Inconfidentes, além de representantes do 10º Conselho Regional Espírita (CRE), da União Espírita Mineira (UEM) e COFEMG (Conselho Federativo Espírita de Minas Gerais).

Na ocasião, os presentes votaram pela criação AME-OP e seu estatuto, além da criação do Conselho Espírita Municipal (CEM) da cidade. Na condução dos trabalhos, o presidente do 10º CRE, Itamar Morato, falou sobre o movimento de unificação na Região dos Inconfidentes:

“Essa é uma região rica em energia, história e tarefeiros dedicados, onde grandes companheiros foram pioneiros em semear a divulgação do Espiritismo. A criação da AME é um anseio de longa data que se realiza, pois, aqui faltava apenas um ponto de união e organização. Será importante não só para o Movimento Espírita local mas de toda Minas Gerais”, declarou Itamar.

O 1º vice-presidente da UEM-COFEMG, José de Ávila Neto, também avaliou a importância da criação da Aliança e do CEM. “É o resultado de anos de esforço e dedicação desses companheiros, e ressaltamos, também, a presença da Espiritualidade na concretização desse propósito. Sem dúvida, será fundamental para o intercâmbio entre casas espíritas da região com o Movimento Espírita”, disse.

Opinião semelhante foi expressa por dona Maria Antônia Prazeres, Vice Presidente do Grupo Evangelho de Cristo, eleita, também, presidente da nova AME-OP. “Há mais de 25 anos, vínhamos tentando criar a AME em Ouro Preto; agora, ficamos muito felizes com essa oportunidade de crescimento e integração entre as casas espíritas da região. É um desafio muito grande, que traz grandes responsabilidades e vigilância redobrada”, avaliou.

APOIO DAS CASAS

A nova AME Ouro Preto auxiliará na organização do Movimento Espírita na Região dos Inconfidentes integrando e aumentando o diálogo entre as instituições da região, abrangendo também Cachoeira do Campo (distrito), Mariana e Itabirito.

Representando uma dessas instituições, Selma Fernandes definiu bem o papel da nova Aliança. “Quando a gente caminha sozinho, temos menos força. Mas, se estamos todos na mesma direção, podemos somar essas forças e ampliar o diálogo entre essas e mais casas espíritas que surgirem”, disse.

Geraldo Dias, também representando uma casa espírita, concordou: “As casas, muitas vezes, vivem isoladas e a AME vai fortalecer e unificar nossos propósitos sem com isso homogeneizar as características das instituições participantes, atendendo muito bem à recomendação do Dr. Bezerra de Menezes”.

A “recomendação” refere-se à mensagem trazida por Chico Xavier na Revista Reformador, de novembro de 1980, com o título “Unificação”, cujo trecho diz: “Solidários, seremos união. Separados uns dos outros, seremos pontos de vista. Juntos, alcançaremos a realização de nossos propósitos.”

Itamar Morato Cézar – Presidente do 10º CRE

Comments are closed